Fatos & Versões - Ray Pereira


OS INTERNAUTAS E A REVOLUÇÃO SILENCIOSA NA CÂMARA DE ARACATI

A rotina parlamentar não empolga o público presente.

Mais uma vez a nossa reportagem esteve presente à Casa da Câmara para ver de perto o funcionamento das sessões do nosso legislativo que conta atualmente com a presença bastante significativa dos internautas aracatienses, em especial os chamados “orkuteiros” de plantão, que ultimamente tem sido a força divulgadora das ações dos senhores vereadores nas páginas do ORKUT e no Jornal Expressão On-line.

Desta vez foram  mais de (10) dez internautas, de um público pouco acima de  18 pessoas. Presenças de: Fabio de Castro, Thiago Gondim, o jovem Costa, Nelson Rodrigues, Dr. Jorge, ex-vereador, Prof. Mendes, Prof. Garcia, a querida Arlene, única mulher no movimento até agora, o Prof. Hercílio e Ray Pereira, além de outros que tiveram que sair por força de compromissos. Foi realmente sentida a falta de Herlon Rocha e Sávio.

 

Ao atender a convocação da Revolução Silenciosa. A nossa reportagem pode constatar a falta de dinamismo e empolgação dentro da Casa do Povo. Tudo acontece de forma sistemática e automática.  A rotina parlamentar segue uma trajetória cansativa aos olhos e ouvidos do público presente. Falta empolgação. Assim como em todas as Câmaras Municipais deste País.

Maiores detalhes Confira no Expressão On-line –www.expressaoonline.com.br

E A ESTRÉIA DO  BLOG

http://revolucaosilenciosa.zip.net/

Fotos e matéria Ray Pereira

 

 



Escrito por Ray Pereira às 01:43
[   ] [ envie esta mensagem ]




DELEGADO ARMADO INVADE SEDE DA TV IGUAÇU
Bia Moraes – Curitiba

Profissionais e técnicos do jornalismo da TV Iguaçu, em Curitiba, levaram um susto na sexta-feira (05/05), quando um delegado armado invadiu o prédio da emissora exigindo direito de resposta no programa jornalístico Tribuna na TV, que ia ao ar naquele momento, no horário do almoço. Abalados com o episódio, alguns jornalistas relataram o caso à reportagem do Comunique-se, mas pediram para não ter os nomes divulgados porque estão com receio de se expor.

Edson Costa, delegado-adjunto do 4º Distrito Policial, aparentemente sentiu-se atingido por uma série de reportagens exclusivas que o Tribuna na TV vinha veiculando ao longo da semana. Bastante nervoso, foi acalmado pela equipe de jornalismo e pelo diretor da TV Iguaçu, Daniel Pimentel Slaviero.

Depois de várias solicitações, inclusive com a interferência mais firme de um técnico da TV, Costa concordou em deixar a arma em uma gaveta da redação e entrar no estúdio desarmado. “O homem estava nervoso, muito agressivo, deu de dedo em todo mundo aqui”, relata um profissional da TV.

Finalmente, o delegado foi autorizado a entrar no estúdio para conversar com o apresentador Ricardo Chab – o programa vai ao ar diariamente das 12h30 às 13h45, e eram cerca de 13h40 quando Costa entrou ao vivo. Tarimbado, Chab, que apresenta o programa há quatro anos, já foi radialista e tem experiência em reportagem policial, tratou o delegado com educação e deferência durante todo o tempo em que esteve no ar e fora dele.

Os jornalistas e a direção da emissora afirmam que em nenhum momento os policiais civis do 4º Distrito foram acusados injustamente, ou tiveram seus nomes citados nas reportagens, e que a Polícia Civil não deixou de ser procurada e ouvida pelos repórteres da casa para dar sua versão do caso. O próprio delegado titular do 4º Distrito já havia sido entrevistado dias antes.

Pedofilia e extorsão
As matérias do Tribuna na TV acompanhavam uma investigação da Corregedoria da Polícia Civil, do Núcleo de Proteção a Crianças e Adolescentes Vítimas de Crime (Nucria) e da Promotoria da Infância e da Juventude. A denúncia apurada é de que policiais civis estariam envolvidos em um esquema de pedofilia, aliciamento de menores e extorsão.

A história começou quando a mãe de uma garota de 13 anos, estudante de um colégio público de um bairro de Curitiba, desconfiou ao perceber a filha muito quieta, não querendo ir para escola, e vê-la usando um tênis novo e caro. A menina acabou contando que uma mulher chamada Luciana a havia convidado e outras amiguinhas da mesma escola a fazer programas sexuais com homens mais velhos.

De acordo com o depoimento desta e de outras jovens da mesma faixa etária, entre 12 e 13 anos, Luciana as levava para um apartamento no bairro Fazendinha e combinava com as meninas todo o esquema, que na verdade era armado para tirar dinheiro dos supostos clientes. No momento do ato sexual – que na maioria das vezes não chegava a se consumar - chegavam de surpresa no apartamento policiais civis para fazer o flagrante. Era então consumada a extorsão contra os “clientes”, geralmente homens de mais de 50 anos e casados. De acordo com as denúncias, o trabalho sujo era feito na delegacia do 4º Distrito. As meninas recebiam entre 50 e 150 reais por cada “programa” – geralmente elas estavam nuas, sendo acariciadas, quando era feito o flagrante. Luciana, a aliciadora, conseguia os clientes através da Internet e orientava as meninas a chorar e gritar quando fossem “pegas em flagrante” pela polícia.

SE A MODA PEGA, NINGUÉM VAI CONSEGUIR TRABALHAR EM PAZ!



Escrito por Ray Pereira às 14:27
[   ] [ envie esta mensagem ]




CÂMARA MUNICIPAL DE ARACATI NA MIRA DOS INTERNAUTAS

A Câmara Municipal começa  viver uma outra realidade

 

 

Na sessão da Câmara Municipal, realizada quinta-feira dia 04/05 deste ano,  alguns internautas aracatienses, membros da comunidade do Orkut, marcaram presença na Casa do Povo para ver de perto os  procedimentos e o trabalho dos senhores vereadores durante o funcionamento de uma sessão da Câmara. Com a presença dos 10 vereadores, a sessão teve início às 18:30 horas sem grandes novidades ou assuntos polêmicos na pauta de votação.

 

 

Herlon Rocha, Sávio, Nelson e Fábio de Castro

marcaram presença na Câmara Municipal

 

Tão logo foi sentida a presença dos internautas, membros da comunidade Aracati no Orkut, os vereadores se posicionaram favoráveis a tal manifestação espontânea de acompanhamento dos trabalhos da Casa. Tal iniciativa foi comentada e até elogiada pelos senhores vereadores, Abelardo Pompeu, Diano Rodrigues, Kátia Freire e outros que acreditam que os “orkuteiros aracatienses” estariam  presentes como agentes de divulgação dos seus trabalhos.

 

Entretanto, os membros ali presentes, queriam e querem ver de perto o funcionamento da Casa, os projetos e requerimentos apresentados, as discussões costumeiras dos senhores legisladores aracatienses para que, com o devido conhecimento de causa, possam discutir de forma abalizada e contribuírem  com suas opiniões para o fortalecimento da democracia em nosso município.

 

Essa participação é de fundamental importância para uma análise mais significativa do trabalho dos vereadores, e principalmente para que a população possa discutir tais ações apresentadas nas sessões realizadas na Casa da Câmara.

 

Os internautas voltarão à Casa da Câmara nas próximas sessões, sob o comando do jovem Fábio de Castro que lançou o movimento “Revolução Silenciosa” e que teve a adesão de muitos aracatienses.

Leia mais sobre a Câmara de Aracati no Expressão On-line

http://www.expressaoonline.com.br

Vale a pena conferir.

Por: Ray Pereira

 



Escrito por Ray Pereira às 03:43
[   ] [ envie esta mensagem ]




COMO DESCOBRIR NOVAS LIDERANÇAS POLÍTICAS EM ARACATI?

O Aracati, assim como o Ceará, precisa transformar-se na terra do seu povo, pertencendo verdadeiramente ao seu povo e para seu povo.

O Estado está sendo engolido pela chamada modernidade que explora suas riquezas, mas seu povo continua explorado em sua pobreza, ficando sempre para trás sem ter vez e nem voz.

Muitas foram às conquistas. Isso é inegável. Contudo, a classe política acomodou-se. Não renovou seus quadros de novos líderes representativos. E o povo cruzou os braços como se a esperar um “Salvador da Pátria”.
O Estado precisa renovar-se politicamente e sair do comodismo. Precisa de novos líderes e lideranças diversificados nos mais diferentes segmentos sociais.

No quadro político-partidário não temos mudanças de costumes ou de ações. Mudam-se os homens, mas não se muda a forma de governar. Não se muda a política do corporativismo, do proveito próprio que nada constroem em benefício da vida, a não ser estudar estratégia de tirar vantagens do poder que exercem em nome do povo.

Enquanto isso, embasbacado com a brisa suave, o povo deixa entrar em sua boca o vocabulário inútil do faz de conta.A organização social e política de um povo passam necessariamente pelas ações e reações deste mesmo povo. Dessas organizações é que nascem os líderes que representam suas classes sociais.
Ao líder cabe agir com moderação, ética, honestidade e sabedoria em suas ações, destituindo-se do egoísmo e da vaidade para lutar em busca da igualdade social, da fraternidade, e de uma sociedade mais justa e mais humana.

Entendemos que o poder é efêmero. Por isso, não se deve lutar pelo poder, mas pela realização das idéias e ações em benefício da maioria. Não se deve lutar pela perpetuação no poder, mas pelo continuísmo do trabalho. Não se luta pela garantia do poder, mas pela permanência do sistema democrático onde a livre escolha do povo transmite a certeza da liderança conquistada.

Para conquistar o poder espera-se de cada líder a persistência no trabalho e ações benéficas em prol de todos.

Por Ray Pereira



Escrito por Ray Pereira às 03:28
[   ] [ envie esta mensagem ]




AMEAÇA RUSSA FAZ GOVERNO DESCUMPRIR LEGISLAÇÃO ORÇAMENTÁRIA PARA A VIAGEM DO ASTRONAUTA

 

Pressionado pela Agência Espacial Russa (ROSKOSMOS), o governo federal descumpriu a legislação orçamentária para garantir o embarque do astronauta Marcos Pontes na nave russa Soyuz. Sem orçamento para gastar no início do ano e com uma dívida, em março, de aproximadamente R$ 16 milhões com a Agência Espacial Russa, o governo atropelou a regra do duodécimo, prevista na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO). Vários empenhos e ordens bancárias tiveram que ser feitos para pagar aos russos, mesmo sem a aprovação do orçamento no Congresso. Com as soluções orçamentárias encontradas para viabilizar o embarque do astronauta, a viagem que parou na Estação Espacial Internacional (EEI), corre o risco de aterrissar também no Tribunal de Contas da União, (TCU).

Pela legislação, sem a aprovação do orçamento o governo federal só poderia gastar até março, 3/12 (três doze avos) da verba prevista no Projeto de Lei
Orçamentária para o Programa de Formação de Astronautas. O problema é que no projeto de lei encaminhado pelo Executivo ao Congresso Nacional, o orçamento previsto para 2006 neste programa, que incluía a viagem de Marcos Pontes, era de apenas R$ 1 milhão, valor muito inferior ao custo real da odisséia. Sem recursos, a viagem corria o risco de ir para o espaço. Os russos chegaram a comunicar, formalmente, à Agência Espacial Brasileira (AEB), que o não pagamento da viagem implicaria na impossibilidade do vôo do astronauta, além da perda das parcelas já pagas. Por outro lado, sem a autorização legal, o dinheiro não poderia sair dos cofres públicos. Sem pagar a passagem não haveria a viagem.

Para evitar o vexame internacional, a Agência Espacial Brasileira (AEB), empenhou (efetuou o registro orçamentário) e pagou à Agência Espacial Russa, valendo-se de remanejamentos dos orçamentos de seis programas federais da AEB, que pouco, ou nada têm a ver com a viagem do astronauta.

O maior remanejamento para compor os R$ 16 milhões pagos em março deste ano, veio do Programa de Participação Brasileira no Desenvolvimento do Satélite Sino-Brasileiro, de onde foram retirados R$ 8 milhões. Outra rubrica da AEB que também "emprestou" o orçamento para bancar a aventura brasileira no espaço, foi o Programa de Desenvolvimento de Veículos Lançadores de Satélites, com R$ 3,3 milhões. O terceiro maior remanejamento de R$ 3,1 milhões, foi extraído do Programa de Desenvolvimento de Satélites de Sensoriamento Remoto com Imageador Óptico. Veja, abaixo, todos os programas e valores remanejados para efetuar os pagamentos.

Tanto os empenhos orçamentários quanto os pagamentos, que totalizaram R$ 16.111.746,72 foram efetuados no dia 15 de março, com velocidade pouco comum na burocracia brasileira.

Os esclarecimentos da AEB não eliminam as irregularidades cometidas sob o ponto de vista orçamentário. O mérito científico da viagem não está em questão, mas sim a forma encontrada para saldar o compromisso assumido. Os empenhos emitidos em 15 de março, exceto o de R$ 250 mil que respeitou o duodécimo, afrontaram os princípios orçamentários da especificidade, da transparência e da legalidade. A AEB, na ocasião, não tinha autorização do Congresso Nacional para realizar esses dispêndios. Na opinião do presidente do Contas Abertas, Augusto Carvalho, foi criado um precedente perigoso. "Hoje o remanejamento foi feito para uma causa supostamente científica, amanhã o mesmo artifício poderá ser utilizado para ações de cunho duvidoso que não atendam o interesse público e a vontade do Parlamento. Encaminharei o assunto ao Tribunal de Contas da União", disse Augusto Carvalho.

Para ver o empenho orçamentário de 25 de abril que anulou os empenhos efetuados indevidamente, clique aqui.

 

Aline Sá Teles e Mariana Braga
Do Contas Abertas

O cavalo e o porco

Um fazendeiro colecionava cavalos e só faltava uma determinada raça.
Um dia ele descobriu que o seu vizinho tinha este determinado cavalo.
Assim, ele atazanou seu vizinho até conseguir comprá-lo.
Um mês depois o cavalo adoeceu, e ele chamou o veterinário:
- Bem, seu cavalo está com uma virose, é preciso tomar este medicamento
durante 3 dias, no terceiro dia eu retornarei e caso ele não esteja melhor,
será necessário sacrificá-lo.
Neste momento, o porco escutava toda a conversa.
No dia seguinte deram o medicamento e foram embora.
O porco se aproximou do cavalo e disse:
- Força amigo! Levanta daí, senão você será sacrificado!!!
No segundo dia, deram o medicamento e foram embora.
O porco se aproximou do cavalo e disse:
- Vamos lá amigão, levanta senão você vai morrer!
Vamos lá, eu te ajudo a levantar... Upa! Um, dois, três...
No terceiro dia deram o medicamento e o veterinário disse:
- Infelizmente, vamos ter que sacrificá-lo amanhã, pois a virose pode
contaminar os outros cavalos.
Quando foram embora, o porco se aproximou do cavalo e disse:
- Cara, é agora ou nunca, levanta logo! Coragem! Upa! Upa! Isso, devagar!
Ótimo, vamos, um, dois, três, legal, legal, agora mais depressa vai...
Fantástico!
Corre, corre mais! Upa! Upa! Upa!!! Você venceu, Campeão!!!
Então de repente o dono chegou, viu o cavalo correndo no campo e gritou:
- Milagre!!! O cavalo melhorou. Isso merece uma festa...
"Vamos matar o porco!!!"

Ponto de reflexão: Isso acontece com freqüência no ambiente de trabalho.
Ninguém percebe, quem é o funcionário que tem o mérito pelo sucesso.

"Saber viver sem ser reconhecido é uma arte."

" Se algum dia alguém lhe disser que seu trabalho não é o de um
profissional, lembre-se: Amadores construíram a Arca de Noé e profissionais,
o Titanic."

Procure ser uma pessoa de valor, em vez de ser uma pessoa de sucesso.



Escrito por Ray Pereira às 11:11
[   ] [ envie esta mensagem ]




A DURA REALIDADE DOS SALÁRIOS DE JORNALISTAS

O assunto é constante nas rodas de conversa dos jornalistas por todo o Brasil: o mercado paga mal. Mas será esta a realidade? Para tirar essa dúvida, o Comunique-se fez um levantamento em todos os Estados brasileiros (mais o Distrito Federal). O resultado é realmente preocupante. A média geral do salário do jornalista brasileiro pouco ultrapassa a cifra dos mil reais (R$ 1.077,10) por cinco horas de trabalho.
Paraná e Alagoas têm, hoje, os maiores pisos salariais desbancando São Paulo, que tinha os melhores índices em 2002. A base comparativa foi um levantamento feito também pelo C-se na época.
A pior média salarial é do Piauí e o piso único mais baixo é o de Roraima. Os jornalistas do Rio de Janeiro, um dos Estados de maior peso econômico no cenário nacional, ainda não conquistaram o direito ao piso. A situação se repete no Espírito Santo.

 

NA POSSE DA PRESIDENTE DO STF A DURA CRÍTICA DA OAB: "VIVEMOS A PIOR CRISE".

Posse da ministra Ellen Gracie foi marcado por um duro pronunciamento do presidente da OAB, Roberto Busato.

 

Poucos imaginavam que na solene posse da primeira mulher na presidência do STF, a ministra Ellen Gracie, o tom fosse tão pesado. Mas o presidente da OAB, Roberto Busato, decidiu não perder a oportunidade e, mesmo diante do presidente Lula, fez um duro pronunciamento. Tão veemente foi sua intervenção que, mais tarde, a líder do PT, Ideli Salvatti ocupou a tribuna no Senado para criticá-lo, vendo "covardia" na sua intervenção num momento solene. O presidente Lula estava presente, mas pelo protocolo, não fala.

 

CORROSÃO DA DEMOCRACIA?

Para Roberto Busato, "a República sofre "a pior das crises, há uma corrosão das instituições democráticas e um risco de fortalecimento de agentes populistas." E foi aumentando o tom de seu pronunciamento para dizer que o Brasil vive uma situação delicada na sua trajetória político-institucional, por isso "o papel da Justiça ganha destaque no momento em que os olhos da sociedade se voltam para a nossa República, que padece da pior das crises, a crise da credibilidade e da confiança".

 

"PERDEMOS A COMPOSTURA"?

Por quase meia hora, Busato foi o centro das atenções, distribuindo críticas ao governo e a movimentos sociais, observando que ?há um comportamento indecoroso de agentes públicos capaz de desgastar as instituições do Estado e aprofundar o descrédito que as fragiliza diante da sociedade brasileira. O descrédito é a serpente que se nutre do autoritarismo". E não deixou de condenar também as absolvições de deputados envolvidos em esquemas de corrupção:"A atitude do Congresso soa à população brasileira como desprezo escárnio à Justiça. A pergunta que ecoa da voz das ruas é uma só: Perdemos a compostura?"

Na Câmara, uma versão Quase ao mesmo tempo, o tom crítico também esteve presente, ontem, na Câmara, onde o líder da minoria, José Carlos Aleluia do PFL acusou os presidentes Renan Calheiros e Aldo Rebelo pelo desgaste do Congresso. Na sua versão, Lula e o PT estavam no olho do furacão, mas com a convocação extraordinária da Câmara e absolvição dos envolvidos no mensalão cresceu o desgaste do Congresso. E denunciou a estratégia usada: "O foco saiu do governo para os congressistas e a imagem de Lula melhorou."



Escrito por Ray Pereira às 15:00
[   ] [ envie esta mensagem ]




Fiscalização de trânsito: MPF/CE recomenda que prefeitura retire empresas de concorrências

O Ministério Público Federal no Ceará (MPF/CE) recomendou hoje à Autarquia Municipal de Trânsito, Serviço Público e Cidadania de Fortaleza (AMC) que retire duas empresas das concorrências para reimplantar o sistema de fiscalização eletrônica de trânsito na cidade. A Fotossensores Tecnologia Eletrônica Ltda. é um dos réus da ação de improbidade administrativa do MPF que aponta irregularidades na implantação do sistema, enquanto a Trana Construções Ltda. tem como sócio fundador um dos sócios da Empresa Industrial Técnica S/A (EIT), que também responde ao processo.

O MPF também recomendou que a autarquia delibere ao município para declarar a inidoneidade dos empresários Francisco Baltazar Neto e Egídio Boffa, da Fotossensores, e Geraldo Cabral Rôla Filho, da EIT. O objetivo é proibi-los de licitar ou contratar com o poder público por até dois anos. A partir de uma análise do histórico do quadro societário da Trana, o MPF descobriu que se trata da Construtora Argus Ltda., mas com outro nome. É desta última que Geraldo Cabral é um dos sócios fundadores.

A recomendação, feita pelo procurador da República Oscar Costa Filho, tem como base a lei de licitações e a Constituição Federal. Para ele, a constatação dos fatos põe em risco a lisura da licitação, que deve ser julgada conforme os princípios básicos da legalidade, da moralidade, da publicidade e da probidade administrativa. O MPF deu o pazo de 48 horas para ser comunicado do cumprimento da recomendação.

Irregularidades - Com base em relatório do Tribunal de Contas do Estado (TCE), o MPF responsabiliza as empresas por atos de improbidade na implantação e no gerenciamento do sistema de fiscalização. Entre eles, estão sucessivas e indevidas dispensas de licitação, ausência do repasse devido e desvio de finalidade da verba arrecadada.

Por isso, o MPF propôs uma Ação Cautelar e uma Ação de Improbidade. A primeira já resultou numa liminar que suspendeu a exigibilidade do pagamento de multas para emplacamento. Todos os equipamentos utilizados pela autarquia foram desativados e desinstalados.

Oscar Costa Filho, que também é o procurador regional eleitoral do Ceará, afirma que é por meio desse tipo de subterfúgio que se alimenta o chamado caixa 2. Para ele, isso representa uma relação indevida entre o público e o privado.

Recomendação -  A expedição de recomendações é um dos instrumentos que o Ministério Público tem para buscar a melhoria dos serviços públicos e de relevância pública. Embora não tenha caráter de determinação, esse tipo de documento provoca a atuação judicial do MP se for descumprido.


Felipe Leal
Assessoria de Comunicação Social
Procuradoria da República no Estado do Ceará



Escrito por Ray Pereira às 16:58
[   ] [ envie esta mensagem ]




Eu sei que vou mexer em vespeiro. Mas fui provocado e não posso deixar de compartilhar meu ponto de vista sobre o assunto. Que não precisa ser o seu. E que nem por isso precisamos deixar de dialogar e caminharmos juntos, na nossa mais radical diferença.

Dai a Política o que é da Política

Por Paulo Angelim

Tem gente que confunde o secular e o sagrado com a mesma facilidade com que alguns proclamam um “Aleluia” ou um “Glória a Deus”, mesmo sem saber para quê ou porquê. E essa confusão é notada na vida clerical, empresarial, profissional, e como não podia ser diferente, na política também. O bando de auto-intitulados “enviados por Deus”  que dizem ter o propósito de salvar a nação, o estado ou o município, através da política, é cada vez maior. Não tenho constrangimento de usar o termo “bando”, porque é pura bandidagem usar o nome de Deus para sair em defesa de projetos e convicções humanas, ou de ideologias político-partidárias, essas cada vez mais raras.

 

Eu não estou chamando todos os nossos irmãos em Cristo (católicos, evangélicos e outros) que se embrenham na Política de bandidos. Até porque muitos estão verdadeiramente propositados em trazer mudanças de postura, de visão e de conduta ética a esse meio. E esse deve ser realmente o papel do verdadeiro cristão. Eu não estou dizendo que a Política não deve ser palmilhada por cristãos verdadeiros. Absolutamente! Cristãos devem ser sal em todos os lugares, em todos os confins da terra, inclusive na Política. O que estou chamando de bandidagem é surrupiar as esperanças de irmãos fracos na fé, e até daqueles “ditos” fortes, que esperam a intervenção do Senhor em todas as áreas da vida, e caem nas garras de alguns arautos que se dizem designados para este papel de salvador (com "s" minúsculo), e com isso acham que podem tingir a bandeira do evangelho de tons políticos. Lembre-se bem que Jesus bem separou isso quando mandou dar a César o que era de César e a Deus o que era de Deus. Ora, Jesus não se opôs a dar a César o que lhe era devido. Só disse que não o pagasse com o que se deve dar a Deus. Portanto, à Política o que é da Política. Simples!

 

Um político não é melhor ou pior pelo fato de ser evangélico, católico praticante, ou cristão. Ora, mesmo sendo cristãos, nós também pensamos errado e agimos errado, se você não sabia! E isso nos faz absolutamente iguais em direitos e deveres aos ditos não cristãos. Diga-me: se você é evangélico, ou católico praticante, e fosse empresário, qual o critério que você usaria para contratar funcionários para sua empresa? Contrataria por serem evangélicos, ou cristãos? Se você pensa assim, você é sectarista, exclusivista, não inclusivo. Você reparte, não junta. Que testemunho de amor é esse de excluir alguém que é bom, correto, honesto, competente e comprometido em crescer, pelo simples fato dessa pessoa não ser evangélica, ou cristã. Isso é errado. Da mesma forma, postular ser digno de voto só por ser cristão é um equívoco. E votar por esse critério é um erro maior ainda.

 

Eu sei que uma boa quantidade de cristãos que postulam cargos políticos tem intenções corretas, de fazer o bem, de ser sal. Até aí tudo bem. Mas isso não os isenta de culpa quando usam a sua suposta autoridade do evangelho, ou o fato de serem cristãos, ou de pertencerem à igreja A ou B como argumento para justificar que eles devem ser os escolhidos dos eleitores cristãos. E isso vale para garotinhos e adultinhos. Candidatos políticos devem apresentar aos seus possíveis eleitores propostas de política pública, que venham em defesa das classes ou grupos que representam. Esse é o jogo político. Aí vem a pergunta: e os evangélicos, por exemplo, não precisam ser representados nas câmeras e assembléias? Eu digo, não! Gente, povo, minorias e maiorias excluídas e marginalizadas, setores econômicos, esses sim precisam ser representados. Diga-me: que projetos ou leis que contemplem evangélicos não podem contemplar não evangélicos? Por que precisaríamos de alguém para advogar em nossa própria causa? Para pedir ou sugerir o quê? Aumentar o volume de som das nossas igrejas? Isso é egoísmo e indiferença! Ou então reivindicar isenção de impostos para as empreitadas “empresariais” de igrejas ditas cristãs, que funcionam como impérios econômicos? Isso é má fé. Não, não é disso que precisamos.

 

Precisamos sim, em todas as casas legislativas, executivas e judiciárias de homens e mulheres sérios, que não necessariamente sejam evangélicos, católicos ou cristãos, mas que estejam comprometidos com os princípios de amor ao próximo do Senhor Jesus Cristo, que por sinal apresentou idéias revolucionárias como a de dar mais que receber, por exemplo. Se eles forem evangélicos, católicos ou crisstãos, então Amém! Glória a Deus pelo testemunho pessoal deles. Mas não devemos bradar esses “glórias” como se isso fosse uma conquista institucional, uma conquista da igreja, uma conquista por termos o “nosso” representante no poder. Nosso poder é outro. Ele é espiritual. Nossa política não é partidária, mas oposta. Nossa política é "despartidária", é a de quebrar as paredes que partem, repartem e apartam, para nos entregarmos incondicionalmente à causa do próximo. Pense nisso, escolha certo e vote certo!

Compromisso de hoje: Vou dar a César o que é de César, e a Deus o que é de Deus.

Abraços, bênçãos e SUCESSO!

Paulo Angelim



Escrito por Ray Pereira às 21:59
[   ] [ envie esta mensagem ]




QUANTO CUSTA UM DEPUTADO FEDERAL?

 

A democracia não tem preço. No momento, porém, em que a Câmara dos Deputados patrocina a absolvição de nove deputados envolvidos com o mensalão, em nítido confronto de opinião com a sociedade brasileira, ela torna-se alvo de profundas críticas, sobretudo no quesito "gastos".

Só o custo de cada deputado federal (salário e estrutura disponibilizada), hoje, é de aproximadamente R$ 100.000,00 por mês. Além do salário de R$ 12.847,20 (15 a 19 vezes por ano), os parlamentares contam ainda com a verba de gabinete (R$ 50.818,82), as verbas indenizatórias (R$ 15.000,00) e mais R$ 3.000,00 de auxílio-moradia, que recebem mesmo já tendo um imóvel próprio em Brasília.

Isso
sem contar os R$ 4.268,55 previstos para despesas com postagens e telefonia, além da cota de passagens aéreas, que varia de R$ 6.000,00 a R$ 16.500,00, dependendo do estado de origem do parlamentar. Clique aqui, para ver um quadro com o custo da remuneração e da estrutura disponível para os deputados federais.

Em 2005, as despesas da Câmara dos Deputados chegaram a R$ 2,3 bilhões. O dinheiro gasto seria suficiente para aumentar em 8 vezes os investimentos federais em educação, no mesmo período. Dos gastos globais do órgão, 75% são referentes a despesas com pessoal e encargos sociais.

As regalias, no entanto, parecem não ser suficientes para alguns deputados que pretendem incorporar aos salários os R$ 15 mil de verba indenizatória. Esses recursos podem ser gastos com despesas como gasolina, alimentação, hospedagem, diárias, consultorias, material de escritório, entre outras.

O Ministério Público suspeita da existência de fraudes nas prestações de contas de alguns deputados. No ano passado, os parlamentares cobraram da Casa R$ 41 milhões como reembolso por "gastos com combustíveis para veículos automotores", o equivalente a um consumo de 20,5 milhões de litros de gasolina.

Da redação do Contas Abertas



Escrito por Ray Pereira às 19:14
[   ] [ envie esta mensagem ]




O PT APÓIA CID GOMES PARA GOVERNADOR EM ENCONTRO ESTADUAL E INDICA O VICE

´Muito obrigado pelo gesto de confiança, muito obrigado pelo gesto de solidariedade. Podem ter certeza, podem ter convicção, vocês não irão se decepcionar. Examinem a minha história, a minha vida, examinem os meus compromissos e eles certamente me credenciam a me permitir a aceitar esse gesto de confiança, esse gesto de desprendimento de cada um dos militantes do Partido dos Trabalhadores. Foi assim que o pré-candidato a governador, Cid Ferreira Gomes (PSB), agradeceu aos delegados do PT pela decisão de apoiá-lo na campanha ao Governo do Estado.

Cid Gomes chegou ao Ginásio da Parangaba pouco depois das 17 horas, logo após o anúncio do resultado da votação em que os petistas, na sua maioria, resolveram pedir votos para Cid e apontar o professor Francisco Pinheiro para ser o companheiro de chapa, ocupando o cargo de vice-governador. Cid estava acompanhado do irmão, o deputado estadual Ivo Gomes (PSB).

Sobre a escolha do professor Pinheiro para vice-governador, Cid Gomes falou: ´Meu caro Pinheiro nós temos que amiudar e aprofundar a elaboração de uma plataforma, de um projeto que pense na educação, na saúde, na segurança publica, na geração de emprego, e esse, certamente, será o nosso maior estandarte, será a nossa maior bandeira´.

CAMPANHA - Cid Gomes, no seu discurso, pediu que fosse feita uma campanha diferente: ´Nomes são resultados de um processo coletivo e é fundamental que a gente altere também a forma tradicional de se fazer campanha, fazendo uma campanha propositiva, participativa, bonita, que possa entusiasmar cada um dos rincões deste Estado, de Salitre ao Chaval, de Penaforte a Icapuí. Que a gente possa reunir em torno de um só projeto, que não será o projeto do Cid, não será o projeto do Pinheiro, mas será um projeto diferente, um projeto novo, que possa envolver e engajar cada um daqueles que sonham um Ceará melhor. E a essa tarefa eu quero me somar colocar a minha voz, a minha experiência para que possamos, coletivamente, lutar e construir o Ceará melhor. Vamos em frente. Essa luta não será fácil, mas será bonita. Essa campanha vai envolver e vai, certamente, incorporar cada cearense.

AGRADECIMENTO - Cid Gomes agradeceu, em nome do Partido Socialista Brasileiro, ´o desprendimento, a abnegação, a grandeza do gesto do PT´. Ele disse que o PT tem quadros, propostas e coerência para poder lançar um candidato a Governador do Estado com perspectiva de vitória. ´Mas vocês aqui dão uma demonstração de compreensão da complexidade do momento nacional e abre mão de uma candidatura própria, em nome de uma construção de uma aliança mais ampla, que envolva o PSB, o PC do B e que possa ser ampliada, essa será uma discussão que teremos pela frente, no sentido da gente reunir todas as forças, todos aqueles pensamentos que nos unem, que clamam por um Ceará renovado, um Ceará diferente´, afirmou.



Escrito por Ray Pereira às 16:35
[   ] [ envie esta mensagem ]




NOVAS REGRAS PARA ELEIÇÕES NÃO DEVEM ACABAR COM O CAIXA 2

O dispositivo que previa a responsabilização criminal de tesoureiros e doadores não contabilizados foi derrubado do projeto de reforma eleitoral, aprovado pelo Senado esta terça-feira.
O projeto foi criado para reduzir os gastos com campanhas eleitorais.
O texto aprovado na Câmara previa que, além do candidato, o responsável pela arrecadação dos recursos destinados a campanhas deveria ser apresentado e teria responsabilidade solidária. Com o fim dessa regra, a responsável passa a ser unicamente o candidato.
Estão previstas na nova lei a proibição da divulgação de campanhas 15 dias antes das eleições, a participação de artistas em showmícios dos candidatos e a distribuição de brindes como bonés e camisas nesses eventos.

 

TSE CANCELA 586.057 TÍTULOS EM TODO O PAÍS


O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) cancelou 586.057 dos 122.102.746 títulos eleitorais registrados no Cadastro Nacional de Eleitores. Ao divulgar ontem os dados da pesquisa realizada nos cartórios eleitorais do País, o ministro Cesar Asfor Rocha destacou que os eleitores que deixaram de votar nas três últimas eleições e tiveram os títulos cancelados podem comparecer à Justiça Eleitoral até o dia 3 de maio para regularizar a situação.

A Justiça Eleitoral comunica o cancelamento dos títulos pelo correio, no endereço fornecido pelos eleitores. E qualquer mensagem de cancelamento enviada pela Internet é falsa e pode conter vírus prejudiciais ao computador, afirmou o ministro.

Como cada turno é considerado como uma eleição, por isso foram cancelados os títulos de eleitores que não votaram nem justificaram a ausência no referendo de 2005 e nas eleições municipais de 2004.

COMPARECIMENTO AO CARTÓRIO
O eleitor faltoso deve comparecer a um cartório eleitoral munido de documento de identidade, título eleitoral e, se for o caso, de comprovantes de justificativa ou de recolhimento de multa. Quem não comparecer ao cartório eleitoral dentro do prazo fixado não poderá votar nas eleições de outubro.

Segundo o Código Eleitoral, o eleitor que tem o título cancelado fica impedido de tirar passaporte, participar de concurso público, assumir cargo público, obter empréstimo na rede bancária oficial, tirar CPF e até mesmo receber salário (em caso de servidor público).

De acordo com os números divulgados, o Estado de São Paulo - maior colégio eleitoral, com 27.303.895 eleitores - teve 175.331 títulos cancelados. Minas Gerais tem 13.320.622 títulos eleitorais; desse total, 30.995 foram cancelados. O Rio de Janeiro tem 10.645.180 títulos eleitorais, com 43.644 cancelados.

No mês passado, o TSE cancelou 325.528 títulos com base no registro de óbitos fornecidos pelos cartórios ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) entre janeiro de 2004 e fevereiro deste ano. Segundo o ministro Cesar Asfor Rocha, o sistema do TSE já pode cancelar mensalmente os títulos de eleitores falecidos, levando em conta informações do INSS. Em 2004 foram cancelados 1.022.532 títulos em todo o País.

 

 



Escrito por Ray Pereira às 12:53
[   ] [ envie esta mensagem ]




TELEMAR ANUNCIA REESTRUTURAÇÃO


O grupo Telemar passará por uma reestruturação societária, de forma que apenas uma empresa seja cotada no Novo Mercado da Bovespa e na Bolsa de Nova Iorque.
O objetivo é ter mais liquidez no mercado de ações e pulverizar o controle acionário da empresa. Dividido hoje nas empresas Telemar Participações, Tele Norte Leste Participações, Telemar Norte Leste, Oi, Velox e Contax, o grupo passará a se chamar Oi Participações S.A.

 

JUSTIÇA DESCARTA FALÊNCIA DA VARIG
A decisão da Justiça do Rio se baseia em garantias do administrador judicial, a Deloitte, e da reestruturadora Alvarez e Marsal de que o negócio é viável.
Sobre a dívida da empresa com a BR Distribuidora, o juiz Luiz Roberto Ayoub, da 8ª Vara Empresarial do Tribunal de Justiça do Rio, comentou que ainda não chegou às suas mãos nenhum pedido que implique em decisão judicial para que a estatal prolongue o prazo da Varig para o pagamento de sua dívida.
Irredutível, a BR Distribuidora informou que não vai negociar um período de carência que garantiria o fornecimento de combustíveis para a empresa aérea nos próximos meses.

 

LULA FOI QUEM MAIS SE BENEFICIOU COM ESQUEMA DE CORRUPÇÃO

Revista Veja acusa: presidente Lula foi o maior beneficiário da organização criminosa responsável pelo esquema de propina armado pelo PT.
A Veja toma como base a denúncia do Ministério Público, elaborada pelo procurador-geral da República Antonio Fernando de Souza e divulgada na semana passada, que revela o organograma da corrupção. O procurador deixou vago o posto logo acima de José Dirceu.

 

DE HERÓI A OPORTUNISTA? SÓ NO BRASIL MESMO!
O caseiro Francenildo Costa, que teve seu sigilo bancário quebrado ilegalmente, entrou com ação na Justiça pedindo indenizações milionárias da Caixa Econômica e da revista Época.
A ação contra a Caixa Econômica Federal pede indenização de R$ 17,5 milhões pela quebra de seu sigilo. Já a movida contra a Época pede R$ 4,2 milhões pela divulgação do extrato de sua conta.

 



Escrito por Ray Pereira às 13:41
[   ] [ envie esta mensagem ]




Justiça proíbe PMDB de promover filiados em propaganda partidária

A Corregedoria Regional Eleitoral do Ceará determinou liminarmente, em 11 de abril, que o diretório regional do PMDB se abstenha de veicular propaganda de teor idêntico ou semelhante à que foi ao ar no último dia 10, e não apresente promoção pessoal de filiados ou matéria fora do interesse institucional do partido.

A sentença foi tomada a partir de representação da Procuradoria Regional Eleitoral do Estado que viu nas inserções estaduais do partido, "flagrante e inequívoca" promoção pessoal do deputado federal e ex-ministro das Comunicações Eunício Oliveira, apontado como pré-candidato nas próximas eleições estaduais. A prática é considerada propaganda partidária irregular.

As próximas inserções do PMDB foram autorizadas para ontem,12, e para os dias 14, 17, 19, 21, 24, 26 e 28 de abril.

Impessoalidade - Para o procurador regional Eleitoral do Ceará, Oscar Costa Filho, o vídeo exibido no útimo dia 10 noticia as realizações do deputado à frente do ministério e rompe o princípio da impessoalidade que deve pautar a propaganda partidária. A representação transcreve o seguinte trecho:

"CENAS COM ALUNOS
Aluno 1 - Criança: "Aqui na escola, agora tem computador, internet..."
Aluno 2 - Jovem : "Pra conseguir emprego hoje em dia, você tem que saber usar computador."
Locutor: "O programa de inclusão digital implementado por Eunício Oliveira, enquanto Ministro das Comunicações, é o maior da América Latina, beneficiando mais de cinco milhões de alunos da rede pública de ensino."


IMAGEM DE EUNÍCIO OLIVEIRA
Eunício Oliveira: "É por isso que estou na política. Para trabalhar por você. Para trabalhar pelo Ceará"." 

Sanção - Além da liminar, a procuradoria pediu que a Justiça casse o direito de transmissão que o PMDB teria no semestre seguinte. Esse é a punição prevista na lei nº 9.096/95, que regulamenta esse tipo de propaganda.


Felipe Leal
Assessoria de Comunicação Social
Procuradoria da República no Estado do Ceará



Escrito por Ray Pereira às 16:14
[   ] [ envie esta mensagem ]




MORRE O EX-DEPUTADO ABELARDO COSTA LIMA

Aracati perde o querido Abelardo Velho

 

O ex-presidente da Assembléia Legislativa no Estado do Ceará e ex-deputado estadual Abelardo Costa Lima, morreu nesta sexta-feira, 14/04 de causas naturais, aos 89 anos de idade.

Advogado e contador, Abelardo Costa Lima Filho foi eleito deputado estadual por duas legislaturas e prefeito de Aracati em três períodos administrativos. Natural de Aracati, veio de uma família de tradição política no Vale do Jaguaribe. Nos anos de 1960 e 1961 esteve à frente do Poder Legislativo Estadual.

Abelardo Costa Lima foi também repórter dos jornais “Gazeta de Notícias” e “Correio do Ceará”; diretor comercial do jornal “A Razão” – órgão oficial da Ação Integralista Brasileira; fundador e diretor do jornal “Gazeta do Jaguaribe”, semanário político que circulou em Aracati durante vários anos, fazendo parte da Associação Cearense de Imprensa (ACI) e da Ordem dos Advogados do Brasil - Seção Ceará (OAB-CE).

O Dr. Abelardo era pai de Abelardo Filho, também ex-prefeito de Aracati por três vezes e deputado estadual em dois mandatos, além de tio do deputado federal Bismarck Maia.

Sua vida de homem público será lembrada pelos aracatienses como um marco em nossa história política. Com a sua morte, morre um pouco do Aracati.



Escrito por Ray Pereira às 16:22
[   ] [ envie esta mensagem ]




ESSA SÓ COM BRASILEIRO MESMO!!!

São Pedro, na triagem celeste, perguntou para o americano:
- O que é mole, mas na mão das mulheres fica duro?
O americano pensou e disse:
- Esmalte.
- Muito bem, pode entrar. - disse São Pedro.

Perguntou ao italiano:
- Onde as mulheres têm o cabelo mais enrolado?
O italiano respondeu:
- Na África. - Certo. Pode entrar

Para o alemão:
- O que as mulheres tem, que tem seis letras, começa por B, termina com A e não sai da cabeça dos homens?
- A beleza. - Certo. Pode entrar.

Para o francês:
- O que as mulheres têm no meio das pernas?
- O joelho.
Muito bem. Pode entrar.

Para o inglês:
- O que é que a mulher casada tem mais larga que a solteira?
- A cama.
- Ótimo. Pode entrar.

O brasileiro virou-se e foi saindo de fininho... São Pedro chamou-o:
- Você não vai responder à sua pergunta?
- Sem chance. Já errei às cinco anteriores!!!...hehehehe

Colaboração enviada por Ana Celia.



Escrito por Ray Pereira às 16:44
[   ] [ envie esta mensagem ]


[ ver mensagens anteriores ]


 
Histórico
  01/05/2006 a 15/05/2006
  16/04/2006 a 30/04/2006
  01/04/2006 a 15/04/2006
  16/03/2006 a 31/03/2006
  01/03/2006 a 15/03/2006
  16/02/2006 a 28/02/2006
  01/02/2006 a 15/02/2006
  16/01/2006 a 31/01/2006
  01/01/2006 a 15/01/2006
  16/12/2005 a 31/12/2005
  01/12/2005 a 15/12/2005
  16/11/2005 a 30/11/2005


Outros sites
  Aracati.cjb.net - site
  primeira leitura
  Jornal Estadão
  Blog do Noblat
  Fernando Rodrigues -Política
  Jornal o Povo
  Jornal Diário do Nordeste-CE
  A coisa Aqui Tá Preta
  Transparência Brasil
  Observatório da Imprensa
  DEU NO JORNAL
  Contas Aberta
  SOAGALERA - POINT
  CLAUDIO HUMBERTO-DF
  COLUNÁTICO-HUMOR
  JORNAL EXPRESSÃO ON-LINE
  EXPRESSÃO FM - Ouça
  REVOLUÇÃO SILENCIOSA
Votação
  Dê uma nota para meu blog